Apolo Puma

by El Paso

/
  • Streaming + Download

    Includes high-quality download in MP3, FLAC and more. Paying supporters also get unlimited streaming via the free Bandcamp app.

      name your price

     

1.
02:15
2.
3.
4.
04:34
5.
05:42
6.
04:33
7.
06:20
8.
04:01
9.
03:45
10.
11.
04:48

about

Gravado no Estúdio Martin Fierro em 2012, Caxias do Sul - RS
Mixado e Masterizado no Estúdio Synco em 2013, Santo André - SP

André Lucio - Voz/Backing Vocals/Guitarra/Teclados/Escaleta/Bandolim
Anderson Ventura - Guitarra/Backing Vocals/Teclado
Rodrigo Oscar - Contra-baixo
Rafael Cab - Bateria/Percussão

participações:
Bio Bonato - Saxofone Barítono
Dharma Samu - Saxofone Tenor
Rodrigo Ribeiro - Trompete

credits

released March 13, 2014

Idealizador: Maurício Alejándro Kehrwald
Pré-produção: Thiago Silva
Captação/ Edição : Maurício Alejándro Kehrwald / Rafael Casagrande / Rodrigo Rossi
Mixagem e Masterização: Rodrigo Rossi
Produção: El Paso / Rodrigo Rossi

tags

license

all rights reserved

about

El Paso Santo André, Brazil

contact / help

Contact El Paso

Streaming and
Download help

Track Name: Apolo Puma
Apolo Puma


"Mistério amanhecer assim, luzes e raios."



André Lucio/2012
Track Name: Cartas a Ímola
Cartas à Ímola


"Me jogue na jaula dos leões,
Me forçe a ter recordações de quando eu tinha asma, para sempre seu fantasma.

Você não quer controle, quando amanhã chegar vai duvidar que hoje…

Não quer ir devagar, por outro lado talvez não queira mais chegar ao seu destino,
Você terá tempo de sobra pra perguntar pra onde foi o seu prazer pela confusão..
Talvez eu não te ame hoje, talvez importe muito pouco.

Não quer ir devagar, por outro lado talvez não queira mais chegar ao seu destino,
Você terá tempo de sobra pra descobrir quais os lugares me procurar.

Tempo de sobra, talvez escreva daqui.

Tenho tanto pra contar, vão me derrubar. "



(André Lucio/2011)
Track Name: Mulheres Voadoras
Mulheres Voadoras


"Mais um dia alcoolizado, sinto o peso do corpo, cansado eu pensei ter visto você.
Já me sinto despedaçado, os seus traços por todo lado, eu jurei não olhar pra trás.

Eu corria de medo de rir antes do fim, tropeçar armadilhas antes feitas por mim

E duvido que você saiba onde estou, há mulheres voando me levem por favor.
Sinto gelo no sangue, tomaram meu calor.
Diga a eles que a brincadeira acabou.

As garrafas, o sangue pisado e nem sinal de alguém do outro lado eu gritei mas parece que ninguém me escutou.

Eu duvido que você saiba onde estou, há mulheres voando me levem por favor.
Sinto gelo no sangue tomaram meu calor.
Diga a eles que a brincadeira acabou."



(André Lucio/2007)
Track Name: Interesse
Interesse


"Está tão claro quanto pode ficar:
Quer medir as horas pelas contas do azar,
Vai perder seu tempo sem razão.

Mesmo que detalhes nos impeçam de andar muito além disso, eu já sei.

Há três maneiras (talvez mais)
de se estar distante,
te mostro agora,
o quanto antes.

Parte de mim ficou interessada em mais algum motivo para analisar.

Novas tentativas de ir pro mesmo lugar não vão trazer alguma solução

Eu me arrependo (talvez mais)
no mesmo instante.
talvez eu leve algo adiante

Parte de mim ficou interessada em mais.

Talvez mais"



(André Lucio/2011)
Track Name: Labirintos
Labirintos


"Meu tempo acabou.
Já passei "n" vezes pelas mesmas ruas,
Maldita hora que fui rever minha cidade natal,
Sobraram tantas contas que quando eu acertar só quero me ver livre daqui.

Tenho pensado o tempo inteiro, o que era mesmo que eu queria provar?
Poderia abandonar os meus caminhos de uma vez só.

Um êxito tão passageiro,
eu não seria o primeiro a notar que nos tratam com doçura e vaselina de uma vez só.


Você está do outro lado da força, parabéns. Foi tudo ok

Se ainda quer dizer alguma coisa, pense bem. Foi tudo ok


Que fique claro, foi você quem se esqueceu de perguntar se dói, se dói quando lembra.

As mesmas ruas que ensinaram que a lembrança ignora a dor mas mostra a face de cada moeda

Quando tiver cumprido minha pena, Vou pagar na mesma moeda.
E quero encontrar todas as coisas na mesma ordem, na mesma moeda.

Você está do outro lado da força, parabéns. Foi tudo ok
Talvez tenha perdido a sua chance, mas veja bem está tudo ok"



(André Lucio/2011)
Track Name: Lama
Lama


"Calculou nas escadas quantos passos voltar, tantas sombras na rua tão difícil encontrar.

Eu corri atrás, tropecei por querer no peso insuportável que me prende a você.

Recolhi meu chapéu da lama, no sorriso uma outra chama.
Encontrei uma bela dama, mas não era você.


Se tudo o que me disse aqui já não é mais, não há mais rei.
Não vai ser fácil de engolir, você não vai ficar, não há mais rei.


Foi anunciada minha queda, toda a minha arrogância caiu por terra.

Precisei de força pra poder levantar, analgésicos pra cabeça não estourar.

Vai passar eu sei mas enquanto durar, minha dama de copas merece tombar.


Se tudo o que me disse aqui já não é mais, não há mais rei.
Meu corpo treme só de ouvir, você não vai ficar, não há mais rei."



(André Lucio/2007)
Track Name: Ultravioleta
Ultravioleta


"Estou em condições com os meus rivais
Parece enfim que o tempo passou e falta pouco para eu me entregar.
Trouxe cicatrizes ao lutar por você mas tudo bem.
No final o que todos querem saber é se vai ficar tudo bem.

Salvo o que sempre te digo, guardo o resto aqui comigo pra não hesitar.
A quanto tempo eu nem sei.

Ao menos fosse mais fácil disfarçar..
Ainda que incumum, meu bem me faça um favor e me diga que no final (e que eu ja deveria saber) vai ficar tudo bem.


Eu te trouxe a melodia, os versos brancos pra montar
Minhas falhas, minhas rimas, minha alma e tanto mais.
Pra te convidar a girar nas ausências do som.
Sufocar o bom senso em segredo.


Somando assombrações, despido de ilusões fui te procurar.
E ao chegar nenhum dos meus sentidos me obedecer.
Você venceu. Você venceu. Você venceu.

Eu não vejo a hora de saber o que vem depois e se vai ficar tudo bem.

Me deu a mão, rodou, sorriu, cantou.
Tanto diz teu olhar. Me faz viver, vibrar.
É ti meu par.
E eu preciso falar.

Meu amor, tantos dias por essa canção.
Eu renego essa vida, abro guarda, abro mão de bebida por seu coração."



(André Oliveira/2012)
Track Name: Libra
Libra


"Vou me lembrar das vezes que eu ouvi: acabou a magia.
Parece que entendeu, dessa vez não vai ser bem assim.
Não é tarde demais pra levantar do chão
Se te incomodo ao me aproximar, eu contradigo.


Se quer saber, por que é que não me impede?
O meu caminho segue a sua direção.
Além do mais seu jogo já não me parece
Tão calculado quanto antes, e vai mudar.


Ao naufragar e então reconhecer viria a calmaria.
Levando em conta o que passei…não previ outro temporal.

E se ela pede que eu me vá, eu me enraízo ao chão
Talvez a âncora arraste o mar, eu contradigo, eu contradigo!


Se quer saber, por que é que não me impede?
O meu caminho segue a sua direção
Além do mais seu jogo já não me parece
Tão calculado quanto antes, e vai mudar."



(Anderson Ventura – André Oliveira/2011)
Track Name: Ciranda
Ciranda


"Vou contar como eu me controlei até então
Assim que eu me livrar das grades, um trago não faria mal
É um mundo pequeno mas nada é igual, só fiz o que tinha que ser feito.
Assim se dorme bem melhor.

Um vento tao forte que o estado declarou guerra
Seguíamos pro norte, alguns saques…quem não erra?
Éramos jovens fantasmas que gostavam de brincar com regras,
Uma dia eu fiquei pra trás.


As vezes as lembranças tem hora marcada pra te distrair
O corpo não responde, não reage.
E haja o que houver o esforço de uma vida inteira parece não ter mais sentido, me entreguei na sexta-feira


Se acaso houvesse outra chance eu faria melhor
Eu prefiro dançar para o caos do que chorar o fim da trégua
Sabemos muito bem que a culpa se carrega
Hoje enfim eu me liberto, não há risada maior que essa."



André Oliveira/2012
Track Name: Porto Tempestade
Porto Tempestade


"Bastou aprender uma vez: A vida vale só se arriscar.
Pois bem me encontro agora pra minha alma lhe mostrar.

Provido de Incertezas te boto sobre a mesa.
Como uma santa em seu altar.

Sozinhos nessa hora, que venha sem demora.
Lá fora o resto pode desmanchar.

Não importa mais o que vão dizer, nem se vão nos perdoar.
Se concentre no momento e no que mais puder imaginar.


Mas não venha me dizer que eu não te avisei.
Não venha me dizer que eu não sabia que ia acabar assim.


Não vá dizer meu nome, não vá.
O fogo nos olhos e o álcool no sangue circulam sem parar.

Quando a febre queimar nossos pecados sobrarão apenas cinzas e no por do sol final encontraremos a saída.


Mas não venha me dizer que eu não te avisei.
Não venha me dizer que eu não sabia que ia acabar assim."



(Anderson Ventura/2012)
Track Name: Menos Mal
Menos Mal


"Nunca mais fui o mesmo
O Fôlego acabou
Perdi a fé e o jeito
Procuro um novo ator pra mesmo assim
Fazer o meu papel e te esquecer

Cade você?

A esperança e o erro
Pra mim, a mesma cor
Eu vou mudar de casa
Vou procurar emprego como impostor

Isso eu conheço bem
A quem você quer enganar?
Não mais se interessa, meu bem


Menos mal, bem longe das notícias
Menos mal, talvez transforme a vida em ouro


Sempre estive sujeito, não vai cicatrizar
O dia em que meu peito serviu de pára-raio, serviu de pára-raio


Menos mal, bem longe das notícias do jornal
Menos mal, talvez transforme alguém em ouro"



André Lucio/2012